Banners

segunda-feira, 13 de novembro de 2006

QUANTA GENTE!

Pois é! O acaloradíssimo bate-papo MENINAS NAS HISTÓRIAS EM QUADRINHOS rolou nesta últimas sexta-feira... ELZA KEIKO e JULIA BAX enfrentaram a fúria de um ávido leitor de quadrinhos que tentou captar toda a atenção para si!!! Pois é, de vez em quando aparece um ou outro por aqui e causa a maior confusão!!! Perdeu o show quem não veio!!! Confira as fotos no nosso site eventosquanticos.blogspot.com !!!



Nesta sexta teremos o último QUANTA GENTE! do ano... nossos convidados desta vez são: o mega-maxi-hyper-power-star dos quadrinhos ROGER CRUZ e o editor da linha Marvel no Brasil, FERNANDO LOPES e o lançamento da mini-série ARAÑA !!! Venha conferir!!
Esperamos que este bate-papo role com a graça de Deus, e sua eterna paz e bem-aventurança!!! Sem violência e sem ódio no coração!!!!

Como já anunciamos aqui, tantas e tantas vezes, o QUANTA GENTE! começa às 20h e é gratuito!








EDGAR FRANCO NA REVISTA TEMÁTICAS
Recebi este e-mail do Edgar Franco e tive a oportunidade de ler este texto ao qual ele se refere abaixo... vale mesmo a pena ser lido!

O novo número da Revista Temáticas, publicada pelos Cursos de Antropologia e
Sociologia do Instituto de Filosofia e Ciências Humanas da Unicamp traz uma
longa entrevista comigo destacando as interfaces entre arte e tecnologia em
minhas pesquisas sobre o pós-humano, HQtrônicas e demais criações
artísticas. Ela foi conduzida pela socióloga Samira Feldman e pelo
jornalista Giuliano Tosin.”

Os que tiverem interesse em adquirir um exemplar visitem o link:
http://revistatematicas.blogspot.com

Edgar Franco


ALUNO PREMIADO... DE NOVO!!!

Meu nome é Lucas Leibholz , trabalho com ilustração e design gráfico no qual me formei ano passado em Londrina na UEL mas sou nascido e criado em Piracicaba, capital nacional do humor gráfico e onde tem o salão internacional de humor, ainda bem. Meu trabalho tem enorme influência do salão pois desde sempre vejo todo ano a exposição e no qual, este ano tive a felicidade de ficar em segundo colocado. Logo em seguida participei do salão de Caratinga onde fiquei em primeiro lugar na categoria de caricatura do Ziraldo. Grande parte dos salões de humor não se pode mandar trabalhos digitais então daí veio minha motivação desde cedo a aprender a usar técnicas de pintura, colagem, etc. Mas como fiz faculdade de design gráfico aprendi muito do digital também então não tenho uma técnica de maior preferência. O design gráfico e o grafite me influenciam muito também e grande parte das minhas ilustrações tem influência desse meio. Em londrina trabalhei muito em agencias de publicidade, dei muitas aulas de desenho e principalmente trabalhei na editora de livros didáticos SCRIBA. Em março me mudei pra São Paulo e estou tentando me infiltrar no meio da ilustração... nesse ano fiz ilustrações pras revistas da abril: Super Interessante, Bravo!, Recreio. E estou trabalhando bastante com projetos gráficos de cds com a gravadora TRAMA onde curto misturar a rigidez de um projeto de design gráfico com a plasticidade e expressão da ilustração.
O resto pode ver visto no meu site.

nos meus flogs: www.fotolog.com/lukas_fofaum
www.flickr.com/photos/lucasleibholz/

Lucas Leibholz












MARCELO CAMPOS
DIRETOR

7 comentários:

  1. Rapá, eu e a Keiko somos as meninas superpoderosas! Tinha que ver, era raio pra tudo quanto é lado! ZAP! ZUUM!

    ResponderExcluir
  2. é claro que estas coisas só acontecem quando eu não estou por perto ... eu mostraria a vcs meu lado Punisher...

    ResponderExcluir
  3. Hahaha, é, foi uma frustração, no final todos comentando "puxa, queria tanto que o Marcelo tivesse aqui, ia ser tão mais divertido"

    ResponderExcluir
  4. eu não fui, mas aposto um café que a pessoa estava amarga por ter sido recusada por várias editoras - é só um chute, mas os números do ramo não mentem!

    ResponderExcluir
  5. e aí, qual seria a minha reação, Julia? o que vc acha que eu ia fazer ali?? tô curioso agora!

    ResponderExcluir
  6. Tenho imagens conflitantes! Não consigo decidir direito se vc ia estar num momento estressado e ia resolver debochar e humilhar o cidadão, ou se num ímpeto de bom humor ia concordar com algumas coisas e tirar um sarro sem que o cara percebesse. Ou talvez ficar só rindo do lado de fora? A gente torceria pela primeira opção né hahaha. Apesar de que em alguns momentos eu fiquei meio cabreira, coitado do cara, toda a unanimidade contra ele. E o bichinho não se rendia! MORRA TIO SAM!

    ResponderExcluir
  7. A chuva bate em meu peito, Julia.. é como um batismo... este seria o dia de minha libertação. Meu retorno... A fúria ... a fúria... é isso o que vcs veriam!

    ResponderExcluir